Cuidados com excesso de sal na alimentação

A hipertensão atinge mais de 30 milhões de pessoas no país. Por isso, é importante combater o consumo excessivo de sal na alimentação. Nesse sentido, é preciso entender qual a quantidade diária de sal adequada, saber ler rótulos de produtos para fugir das opções menos saudáveis e conhecer alternativas de temperos naturais, menos processados e mais benéficos para a saúde.

Evitar o excesso de sal não significa bani-lo da dieta. Tomar essa atitude não seria nem saudável. Nosso organismo precisa de uma quantidade mínima de sódio para o seu bom funcionamento. A quantidade ideal recomendada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) é de cinco gramas de sal.

Isso porque ele mantém a quantidade de água fora das células para não sobrecarregar nossos vasos sanguíneos, mantendo nossa pressão arterial no nível ideal.

Aprenda a ler o rótulo dos alimentos e evite o excesso de sal

Ordem decrescente - a lista de ingredientes de um produto começa com o que está em maior quantidade. Por isso, evite alimentos cuja composição começa sal.

Teor de sódio - prefira alimentos com baixo teor de sódio e evite aqueles que representem uma porcentagem muito grande da quantidade que devemos consumir por dia. Acima de 25% já é um número elevado.

Produto light - são alimentos com redução mínima de 25% de calorias em relação ao produto normal ou de 25% do teor de algum ingrediente, que pode ser sal, açúcar, gordura, ou mesmo calorias.

Produto diet - são alimentos com redução total de determinado item. Geralmente o açúcar é o ingrediente retirado, mas também pode ser sal ou gordura, por exemplo. Por isso, é importante verificar.

Dicas para evitar o excesso de sal na alimentação

Evitar o excesso de sal na alimentação nem sempre é fácil. É preciso promover uma mudança de hábitos alimentares, cortar práticas habituais como a de colocar mais sal na comida, algo que muita gente cresceu fazendo.

Alguns alimentos são especialmente ricos em sódio, portanto, devem ser consumidos com parcimônia: pães, sopas, pizza, sanduíches, aves e embutidos. Você também pode adotar alguns hábitos importantes para a diminuição do sal:

  • Aprenda receitas mais saudáveis;
  • Escolha restaurantes e lanchonetes que reduzam o sal no preparo se você pedir;
  • Invista em outros temperos como: cebola, alho, sálvia, manjericão, coentro, estragão, hortelã.


Essas mudanças de hábito podem trazer vários benefícios para sua saúde e são essenciais para evitar doenças como a hipertensão.
 

Referências

http://www.sbh.org.br/geral/atualidades-teor-de-sodio-na-alimentacao.asp  Acessado em 18/02/2017
http://www.sbh.org.br/geral/atualidades-rotulo-alimentos.asp - Acessado em 18/02/2017
https://sodiumbreakup.heart.org/7-tips-eat-less-salt - Acessado em 18/02/2017
http://www.health.harvard.edu/staying-healthy/6-ways-to-eat-less-salt - Acessado em 18/02/2017

 

 

Responsável pelo Conteúdo:
Dr. Rodolfo Albuquerque
CRM: 40.137
Diretor Médico do Grupo NotreDame Intermédica