Climatério e menopausa: você sabe a diferença?

1. O que é o climatério?

O climatério é o período de transição da fase reprodutiva da mulher para a fase em que ela não pode mais ter filhos naturalmente.

Leia mais

2. O que é a menopausa?

A menopausa é o nome dado para a última menstruação na vida da mulher. Ela marca o fim do período de fertilidade e só pode ser identificada posteriormente. Isso porque é necessário que não haja menstruação por 12 meses seguidos para a confirmação.

Leia mais

3. Quando começa e termina o climatério?

Para a maioria das mulheres, o climatério começa próximo aos 40 anos e se estende até os 65 anos. Mas essas datas podem variar de um caso para o outro, conforme a produção hormonal de cada mulher.

Leia mais

4. Quando acontece a menopausa?

De um modo geral, a menopausa ocorre em torno dos 50 anos. Mas pode variar bastante, sendo possível que aconteça entre os 35 e os 59 anos. Se ela acontece antes dos 40, é chamada de menopausa prematura. Quando se dá depois dos 52 anos, é chamada de menopausa tardia.

Leia mais

5. O que é perimenopausa?

A perimenopausa é o período que abrange de um a dois anos antes da menopausa até um ano depois dela. Na fase antes da menopausa, é muito comum acontecer irregularidades no ciclo menstrual. Na fase posterior, ainda é possível que aconteça um novo fluxo menstrual. Tanto a menopausa quanto a perimenopausa estão compreendidas no período chamado climatério.

Leia mais

6. É possível engravidar durante o climatério?

No climatério, mesmo com a produção desregulada de hormônios e a menstruação irregular, a mulher continua a ovular. Logo, a gravidez é possível.

Leia mais

7. Quais são os sintomas do climatério e da menopausa?

Os sintomas mais perceptíveis do climatério e da menopausa são os mesmos:

  • Sintomas físicos: fogachos, sudorese diurna e noturna, palpitações;
  • Sintomas psicológicos: insônia, depressão, ansiedade, irritabilidade, choro sem motivo, redução de libido, dificuldade de concentração e perda de memória.

Quando eles se manifestam de maneira mais forte, mesmo que não aconteçam todos juntos, se caracteriza a síndrome do climatério.

Atenção

Nem todas as mulheres terão sintomas durante o climatério, mesmo quando se der a menopausa. Mas a ausência de sintomas não significa que o organismo delas não esteja passando por alterações que podem até comprometer a sua saúde.

Leia mais

8. O que acontece com os hormônios durante o climatério?

Durante o climatério, diminui a produção dos hormônios produzidos pelos ovários:

Estrogênios ou estrógenos ¿ principais hormônios femininos, afetam diretamente a função sexual, pois são responsáveis pelo desenvolvimento dos órgãos reprodutivos, além de hidratação e elasticidade da vagina.

Progesterona ¿ prepara o útero para receber o óvulo fertilizando revestindo-o com uma camada mais espessa de endométrio, que é a mucosa que cobre a face interna do órgão.

Leia mais

9. O que pode aliviar os sintomas do climatério e da menopausa?

Uma das opções para aliviar os sintomas do climatério e da menopausa é a reposição hormonal. Esse tratamento combina os hormônios estrógenos e a progesterona em quantidades variáveis para cada mulher. O tratamento só pode ser feito com orientação e acompanhamento médico.

De qualquer forma, no caso de desconforto na relação sexual pela diminuição na lubrificação natural da vagina e se acontecer uma diminuição no interesse em sexo, as mulheres podem usar lubrificantes sem glicerina e conversar com seus parceiros sobre as mudanças de seu organismo.

Leia mais

10. O climatério causa mudanças na vida sexual da mulher?

Sim, o climatério pode provocar mudanças na vida sexual da mulher por conta da alteração na produção hormonal. A umidade e lubrificação vaginal podem diminuir e isso pode causar um sangramento leve durante uma relação sexual. Além disso, a libido ¿ que é o desejo sexual ¿ tende a diminuir também.

Leia mais