Tire todas as suas dúvidas sobre o que faz um clínico médico

Artigos Dúvidas gerais -

Diferentemente do que muitos pensam, a clínica médica ou clínica geral ou, ainda, medicina interna é uma especialidade. A diferença está no tratamento com abordagem generalista, porque os especialistas dessa área precisam conhecer o corpo humano de forma ampla e profunda para acompanhar várias doenças.

Conforme explica Eider Soares Cardoso, clínico médico e gerente médico do Grupo NotreDame Intermédica, essa é a área da Medicina que trata todos os pacientes adultos com doenças não cirúrgicas, não obstétricas, não ginecológicas e não ortopédicas. “O acompanhamento dessa especialidade poderá ser ambulatorial (clínicas e unidades básicas de saúde), hospitalar, de urgência e emergência (pronto-socorro), empresarial e de saúde da família”, elenca.

SUMÁRIO

Periodicidade de consultas e atuação

Para cuidar bem da saúde, o melhor meio é a prevenção. Sendo assim, é importante fazer um check-up geral anual para evitar que possíveis doenças se desenvolvam ou identificá-las em uma fase mais precoce e com maior chance de sucesso de tratamento.

Geralmente, os pacientes procuram o clínico médico para esclarecimentos de sintomas agudos ou crônicos, cujo objetivo é investigar a origem do problema e, conforme a necessidade, será realizado o direcionamento para um especialista.

Eider Soares Cardoso afirma que os profissionais dessa área da Medicina tratam todas as doenças não cirúrgicas, como diabetes, depressão, ansiedade, doenças cardíacas em fase inicial, doenças de pele, doenças infectocontagiosas, dores de cabeça, anemia, doenças alérgicas, gastrite e dores musculares e articulares. “O médico clínico geral trata do paciente como um todo, de forma ampla e profunda. Também, outras ações importantes são a prescrição de vacinas, avaliação antes de cirurgia, antes da prática de atividade física e orientações alimentares e nutricionais”, complementa.

Mitos relacionados à clínica médica

Há algumas questões sobre a clínica médica que são passadas adiante e não são verdadeiras. Veja quais são elas:

1. Procurar o clínico geral somente quando souber qual é a doença: é mito, porque o clínico investiga, diagnostica e trata sintomas agudos e crônicos.

2. O clínico geral realiza cirurgia: é mito, entretanto, esse médico tem sua importância antes e após a realização da cirurgia.

3. Procurar o médico clínico somente quando houver algum problema de saúde: é fundamental realizar check-up anual como método preventivo.

4. O clínico geral atende criança: é mito, pois as crianças até 15 anos de idade devem ser avaliadas pelo pediatra.

Equívocos mais frequentes

Dentre os erros mais comuns em relação à atuação do clínico geral, estão julgar que esse profissional:

1. Serve somente para encaminhar a um especialista.

2. Não sabe sobre as doenças específicas;

3. Não é um especialista;

4. Clínico bom atende somente em pronto-socorro.

O clínico geral possui especialização e é habilitado para tratar uma série de doenças com sintomas agudos e crônicos, mas faz encaminhamento quando o paciente exige o acompanhamento de um determinado especialista. Além disso, esse profissional realiza atendimento em clínicas, hospitais e em unidades especializadas e de pronto-atendimento.

Conselho de um clínico médico

Eider Soares Cardoso lembra que cuidar da saúde é primordial. Por isso, recomenda aos pacientes realizar check-up anual - principalmente na fase adulta -, seguir o calendário anual de vacinas, praticar atividade física regularmente, manter uma alimentação saudável, evitar vícios (como tabagismo, etilismo e uso de drogas ilícitas), cuidar da saúde mental e controlar o peso. “O ser humano é uma máquina perfeita. Como médicos, devemos sempre buscar atenção às principais necessidades dos pacientes, identificar hábitos, relações sociais, aspectos emocionais, antecedentes familiares e a biografia de vida deles. A postura profissional é fundamental na relação médico-paciente. É nosso dever acolher, esclarecer, compartilhar, a responsabilidade do cuidar, envolver a família e buscar sempre que possível um tratamento ao alcance do paciente”, destaca.

Clínicos médicos na Rede Própria do GNDI

O Grupo NotreDame Intermédica proporciona aos seus beneficiários e, também, beneficiários de outros convênios acesso a clínicos médicos altamente capacitados e localizados em toda a sua Rede Própria, assim como na Telemedicina. Confira:

 

Fonte: Eider Soares Cardoso - Clínico médico e gerente médico do Grupo NotreDame Intermédica.

Responsável pelo conteúdo:
Luiz Celso Dias Lopes
Diretor Técnico do Grupo NotreDame Intermédica

Quero cotar plano de saúde