Como funciona a rede credenciada de um plano de saúde?

Artigos Dúvidas gerais -

Na hora de definir a contratação de um plano de saúde muitas empresas e beneficiários analisam a rede credenciada que o plano de saúde oferece. Isso acontece porque os usuários querem garantir mais segurança quando precisarem usufruir do serviço. Inclusive, a avaliação da rede credenciada também se torna importante pois esses profissionais estarão mais espalhados pela área de atuação do plano, oferecendo um leque de abrangência geográfica mais atrativa.

Para explicar um pouco melhor como funciona a rede credenciada dos planos de saúde, o Grupo NotreDame Intermédica reuniu algumas informações relevantes que podem ajudar na tomada de decisão.

SUMÁRIO

O que é rede credenciada?

É o conjunto de prestadores de serviços - médicos, laboratórios, hospitais, especialistas e consultórios - que podem atender aos beneficiários. Esses profissionais geralmente não têm vínculo trabalhista com a operadora de saúde, mas são referenciados e pagos por ela através do plano, conforme o uso por parte dos beneficiários.

Conhecer a rede credenciada é importante para saber quais médicos, hospitais, laboratórios e consultórios estarão à sua disposição ao longo do contrato.

Rede própria e rede credenciada

A rede própria é de propriedade da operadora. Ou seja, como o nome já faz referência, são aqueles serviços de saúde oferecidos por hospitais, consultórios, laboratórios que pertencem ao plano de saúde. O que leva as operadoras a adquirem unidades próprias de atendimento não é apenas uma questão de redução de custos, mas principalmente porque ter sua própria estrutura própria garante avaliação e controle mais assertivo da qualidade do serviço.

A rede credenciada (que pode ser conveniada ou terceirizada) oferece diferentes médicos e serviços de saúde que estarão à disposição dos beneficiários. Além disso, também exerce um importante papel no que diz respeito à área de atuação, pois esses profissionais ou serviços estarão mais espalhadas nos lugares naqueles lugares onde a operadora atua.

É importante ressaltar que diferentes planos de uma mesma operadora podem apresentar diferentes médicos e assistências em saúde, por isso é sempre importante avaliar atentamente ao que se terá direito antes de assinar o contrato. Essas diferenças de produtos oferecidos é o que norteia a precificação dos diferentes planos. 

Alteração de profissional ou produto na rede credenciada

Algumas pessoas se perguntam se pode acontecer alguma alteração (em relação ao que foi contratado) na rede credenciada. A resposta é sim.  Quando isso ocorrer, a operadora precisa validar a alteração junto à Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) para garantir que a substituição seja feita por outros médicos e serviços com o mesmo padrão de qualidade.

De uma maneira geral, o Grupo NotreDame Intermédica trabalha para que a rede credenciada apresentada aos beneficiários na hora da contratação se mantenha ao longo do tempo, mas em alguns casos a substituição é necessária. 

Exclusão de profissional ou produto na rede credenciada

Assim como no caso de alteração de profissional, a operadora deve comunicar à ANS com pelo menos 30 dias de antecedência a exclusão de um profissional ou serviço.

Neste caso, a empresa contratada deverá medir a capacidade de atendimento da entidade ou profissional a ser excluído, de modo que não impacte na qualidade do serviço antes prestado.

Nenhuma alteração ou exclusão pode implicar em custos adicionais aos beneficiários.

Conhecendo a rede credenciada do plano

Os planos de saúde devem manter a relação de prestadores de serviço da rede credenciada e suas respectivas localidades atualizada em seus sites e aplicativos para que seus beneficiários tenham fácil acesso. Além disso, tomar conhecimento do leque de especialistas e serviços oferecidos pela operadora antes de assinar o contrato também é um direito dos usuários.

Informações úteis

  • Fique atento à área de atuação de seu plano de saúde para que não tenha problemas com as coberturas diante de uma emergência ou urgência fora da área de atuação;
  • Se o seu plano não te dá direito, procure contratar um seguro viagem quando necessário. Dependendo do destino, o seguro é obrigatório.
  • A qualificação dos prestadores de serviços credenciados deve estar disponível no material de divulgação da operadora.

Responsável pelo conteúdo:
Luiz Celso Dias Lopes
Diretor Técnico do Grupo NotreDame Intermédica

Quero cotar plano de saúde empresarial