Geração e descarte de resíduos e efluentes, consumo de energia e de água são temas relevantes para as nossas atividades. A gestão destes aspectos é orientada pela Política de Meio Ambiente, Sustentabilidade e Segurança do Trabalho (MASS) do GNDI, que estabelece responsabilidades, critérios e compromissos para guiar nossa atuação.

O que são Resíduos de Serviços de Saúde?

Os resíduos gerados pelas Unidades Clínicas e Hospitalares são classificados como Resíduos de Serviços de Saúde.

São resíduos que oferecem riscos potenciais à saúde pública e ao meio ambiente. Por isso, o tratamento e destinação final devem ser realizados por empresas especializadas e devidamente licenciadas pelos órgãos públicos.

Os processos de segregação, manejo, coletas interna e externa, tratamento e disposição final desses resíduos são descritos no Plano de Gerenciamento de Resíduos de Serviços de Saúde (PGRSS) e devem ser seguidos corretamente a fim de evitar impactos negativos à saúde e ao meio ambiente.

Investimos constantemente em treinamentos junto aos colaboradores próprios e terceiros.

Por que gestão de resíduos é tão importante para nós?

A gestão correta de resíduos é um tema de extrema relevância para empresas do ramo da saúde. No GNDI, trabalhamos continuamente para avançar nessa frente, dada a importância de realizar o gerenciamento de resíduos de serviços de saúde corretamente, visando à redução de impactos ambientais negativos. Possuímos uma equipe dedicada ao gerenciamento de resíduos, sendo responsável pelas padronizações, orientações e treinamentos acerca desse aspecto.

Ações de ecoeficiência

Confira abaixo exemplos de ações realizadas para minimizar o consumo de água e energia:

  • Reguladores de vazão e arejadores nas torneiras;
  • Instalação de caixas acopladas com acionamento duplo;
  • Utilização de insumos “a seco” e eliminação do uso de água nos sistemas de geração de gases medicinais;
  • Utilização de lâmpadas LED nas Unidades Hospitalares;
  • Equipamentos com selo PROCEL para economia de energia;
  • Sensores de presença em locais estratégicos;
  • Procedimentos de limpeza e lavanderia visando o menor consumo de água;
  • Abastecimento com etanol da frota de veículos.
Quer saber mais detalhes sobre as ações de ecoeficiência e gestão de resíduos? Clique aqui e acesse o nosso relatório de sustentabilidade.